Você sabe escolher bem o seu Ômega 3?

O ômega 3 é um conjunto de gorduras importantes para a saúde dos seres humanos. Encontrados em alguns alimentos como peixes e algumas sementes, nem sempre é ingerido rotineiramente na alimentação, o que leva muitas pessoas a usarem a suplementação como um recurso para complementar sua nutrição de forma adequada. Encontramos nesse conjunto, dois tipos de ácidos graxos com ótimos benefícios ao organismo: o EPA (ácido eicosapentaenoico) e o DHA (ácido docosahexaenoico). O EPA ajuda a manter a saúde cardiovascular, controlando a pressão arterial, os triglicerídeos e o colesterol. Além disso, também ajuda a prevenir alguns tipos de câncer e também possui ação anti-inflamatória. Já o DHA é importante para a cognição e ajuda na composição das retinas dos olhos e também de todo o sistema nervoso.
Veremos a seguir, mais alguns benefícios do EPA e do DHA para o corpo e também vamos te ajudar a escolher bem o seu suplemento de ômega 3.


Os benefícios do Ômega 3

As vantagens do uso do ômega 3 são diversos. Como já dito anteriormente, O EPA tem ação anti-inflamatória e ajuda a prevenir problemas cardiovasculares. É excelente para a circulação sanguínea, evitando a trombose e também o derrame cerebral (AVC). Reduz os sintomas da TPM e a celulite, previne a obesidade, aumenta a função da insulina e também melhora o sistema imunológico. Enquanto isso, o DHA atua no cérebro, estimulando a memória e os processos cognitivos. Estudos afirmam que ele é capaz de impedir a formação de substâncias nocivas ao cérebro
e tem efeito protetor contra doenças degenerativas como Parkinson e Alzheimer. Além disso, O DHA cumpre um importante papel no desenvolvimento do feto no útero materno e também está presente na retina dos nossos olhos. Contudo, para que todos esses benefícios sejam vistos no corpo, é preciso a ingestão de muitas quantidades destes nutrientes, o que nem sempre acontece no nosso cotidiano, mesmo com uma boa alimentação. Por isso, em alguns casos recomenda-se a suplementação com ômega 3 (o que não substitui os hábitos alimentares saudáveis).
Então, a seguir, vamos mostrar algumas dicas que devem ser observadas na hora de comprar o seu suplemento.


Algumas dicas a se observar na hora de comprar seu Ômega 3

1. Atenção ao que está escrito na embalagem

Óleo de peixe é diferente de ômega 3. Apesar desse conjunto de ácidos graxos estarem presentes nessas espécies, nem todo óleo é composto de ômega. Por isso, veja a quantidade de ômega presente por cápsula, sendo o ideal de 15% a 60%. Quanto maior a concentração do nutriente, melhor é o produto. Uma boa marca deixará clara as relações entre as quantidades de EPA e DHA presentes em cada cápsula. O ideal é que a soma de EPA e de DHA dê uma dose diária de 1200 mg. Quanto menos cápsulas você precisar ingerir por dose para chegar a essa quantidade, melhor é a concentração do produto. Geralmente, marcas de alto desempenho conseguem chegar a esse valor com 2 cápsulas.

 

2. Prefira modelos com triglicerídeos reesterificado

Nem sempre o seu corpo consegue absorver todos os nutrientes da alimentação ou da suplementação, e isso, também é válido para o ômega 3. Por isso, foi desenvolvida uma versão chamada TG, com triglicerídeos reesterificados, que promovem uma boa absorção pelo corpo por ser compostas por moléculas mais simples.

 

3. Atente-se aos produtos acrescidos de vitamina E

Algumas cápsulas são encontradas no mercado com um acréscimo de vitamina E. Ela tem ação antioxidante e, por isso, ajuda a conservar melhor o ômega dentro da cápsula, aumentando, assim, o tempo de validade e sua eficácia no corpo.

 

4. Compre produtos com certificado de qualidade

Os suplementos adequados para o consumo precisam ter um ou mais selos de qualidade. Eles servem para garantir que o produto que você está consumindo seja livre de contaminação por metais pesados como, por exemplo, mercúrio, chumbo, cádmio e arsênico. Procure na embalagem um dos seguintes selos: IFOS (International Fish Oil Standards Program), INTERTEK, PRONOVA, F55C22000 ou HALAL PURE.

5. Cuidado com embalagens transparentes

A incidência de luz constante nas cápsulas pode diminuir o efeito do seu suplemento de ômega. Por isso, prefira comprar embalagens sem transparência para garantir a real qualidade dos nutrientes.

 

6. Analise o custo benefício do seu investimento

Quando se trata de ômega 3, a qualidade é fundamental. Uma marca de qualidade usa até 2 comprimidos para chegar a dose ideal, de 1200 mg. Quando você compra marcas com menor quantidade concentrada, são necessárias mais cápsulas para chegar ao valor ideal diário. Ou seja, nem sempre a “economia” vale e, ainda, aumenta a quantidade de ingestão de gorduras desconhecidas no corpo. Quer experimentar os benefícios desses nutrientes no seu organismo? Na Casa Ômega nós trabalhamos com suplementos de ômega 3 com a qualidade que o seu corpo merece.

Consulte o nosso site e conheça todas as marcas e produtos disponíveis para deixar sua vida mais saudável.