Dicas para controlar a ansiedade nesse período da pandemia

Em tempos de quarentena e isolamento social, o confinamento, as frustrações e as más notícias diárias podem desencadear ou aumentar a ansiedade de muitos indivíduos. E isso tem atrapalhado o dia-a-dia de muitas pessoas, pois além de prejudicar o foco na hora do home office e o sono do merecido descanso, também provoca outros sintomas ainda mais incômodos. A maioria delas não sabe que pequenas atitudes no cotidiano podem ajudar a controlar o estresse e relaxar o corpo. Por isso conheça agora algumas dicas para manejar a ansiedade e manter a sua qualidade de vida durante a pandemia.

 

1º – Passe menos tempo lendo notícias no celular


Atualmente as notícias que lemos em nossas telas portáteis durante todo o dia se tornam, mais do que nunca, a fonte principal de estresse no cotidiano. Isolados do lazer e da descontração ao ar livre, mergulhamos em redes sociais e notícias sobre a pandemia e perdemos o controle da nossa ansiedade. O uso excessivo de smartphones também pode causar outro problema: insônia. Se você costuma usar telas brilhantes durante o final da noite, isso pode estar atrapalhando o seu relógio interno e fazendo você perder o sono, tornando o seu dia seguinte mais cansativo e te deixando mais ansioso.
Uma forma de diminuir o impacto do excesso de informações é determinar um limite de tempo para o uso de internet em notícias e redes sociais. Algumas dicas podem te ajudar nesse processo, como por exemplo, desligar as notificações em push dos apps que você mais usa durante o dia para se informar. Essa simples estratégia ajuda pessoas que se sentem “chamadas” pelo celular toda vez que uma notificação chega. Você pode também
manter o celular distante e com a tela virada para baixo para se manter “desconectado” por mais tempo. E para evitar a insônia, o ideal é você começar a manter o celular fora do quarto na hora de ir para a cama

 

2º – Pare e respire um pouco

Muitas vezes, neste período intenso que vivemos atualmente, tudo o que queremos é parar o mundo por alguns minutos para conseguir um tempo para relaxar. Uma forma prática e eficiente de se fazer isso é separar uns minutinhos durante o dia para apenas respirar profundamente. Essa simples atitude ajuda a diminuir o estresse e aliviar a ansiedade, dando a oportunidade de você escanear o seu corpo inteiro e localizar pontos de tensão. Conectar-se com você mesmo todo o dia é uma ótima forma de se desligar dos acontecimentos externos por alguns momentos.

 

3º – Ouça música

Ouvir a sua playlist favorita durante o dia é uma arma poderosa contra a ansiedade. Um estudo americano já demonstrou que a música age tão bem quanto um sedativo na capacidade de acalmar os nervos, porém sem os efeitos colaterais. Por isso, montar uma lista com canções que te lembre bons momentos ou te cause boas sensações é uma ótima forma de ter trilha sonora relaxante para a sua rotina diária. Você também pode usar playlists temáticas prontas na internet, mas existe a chance de não gostar da seleção musical automática. Por isso, parar um tempo para selecionar as suas canções preferidas pode ser, também, um momento calmante do seu dia.

 

4º – Não deixe de se exercitar


O fechamento das academias não deve ser motivo para você parar de se exercitar. Realizar exercícios em casa ajuda a relaxar o corpo e a mente, além de evitar o sedentarismo. Atividades físicas também são muito úteis para pessoas ansiosas e estressadas conseguirem se focar em si e se desconectar no mundo lá fora, assim como na prática da respiração consciente citada anteriormente.

 

5º – Substitua bebidas estimulantes por chás

A situação de home office compulsório na quarentena não só não diminuiu, como em muitos casos, aumentou o nível de estresse causado pela nova rotina de trabalho. A separação cada vez mais nebulosa entre vida pessoal e profissional fez crescer o consumo de bebidas estimulantes, como café e energéticos, algo desaconselhável para pessoas ansiosas. Se você está nesta situação, um primeiro passo é substituir o café tradicional pelo descafeinado, por exemplo. Para o período de fim de tarde e começo de noite, opte por chás com efeito calmante, como erva cidreira, camomila e melissa.

 

6º-Uma dieta saudável também ajuda na ansiedade


Distúrbios alimentares podem ser uns dos sinais de ansiedade. Na tentativa de se acalmar, algumas pessoas passam a comer mais que o necessário. O contrário também é visto, em que, indivíduos perdem o apetite, por conta da rotina de estresses e preocupações. Por isso, atente-se aos seus horários, alimentando-se a cada 2 ou 3 horas, para manter o açúcar no seu sangue e evitar comer mais que o necessário de uma só vez. Várias pequenas refeições ao longo do dia faz com que você se mantenha com energia por muito mais tempo.
Tomar shakes de proteína, comer frutas ou uma porção de chocolate orgânico são exemplos de comidas que você pode ingerir durante o dia. Alguns tipos de alimentos, principalmente aqueles com magnésio, vitaminas do complexo B e triptofano também ajudam a combater a ansiedade. Alguns exemplos são: quinoa, banana, castanhas, grãos de bico, kiwi, abacate, verduras com folhas verdes escuras e sementes de abóbora. Estas dicas foram úteis para você? Então comece hoje mesmo a transformar seus hábitos e viva uma vida com menos ansiedade e muito mais saudável nessa quarentena.

Conheça também a loja on-line da Casa Ômega, com vários tipos de suplementos que ajudam a complementar sua alimentação no dia a dia.